Análises Clínicas por Método de Vácuo

Segundas a Sextas-feiras das 08h00 às 12h00

Sábados das 08h00 às 11h00

Profissional Cristina Oliveira Especializada em Colheita por vácuo, em Fibrina leucoplaquetária autóloga e venopunção; em veias difíceis e na realização do teste do COVID-19.

Análises Clínicas

Dotada com as mais modernas tecnologias, em parceria com o Laboratório Germano de Sousa, permite aos pacientes despender do mínimo tempo possível para realização das suas Análises Clínicas.
É cada vez menos comum a necessidade de longos períodos de Jejum, pelo que sugerimos que nos contactem com a sua requisição médica para que possamos dar uma informação correcta dos procedimentos de colheita de sangue.

Para realização das análises clínicas, o utente deve dirigir-se à Cliniàrtico, com justificação, poderá usufruir de serviço domiciliário gratuito.

Colheitas

A colheita de sangue pelo método de vácuo é a técnica de colheita de sangue venoso recomendada pelo CLSI.

Este método é usado na Cliniártico pelas inúmeras vantagens que proporciona:

  • CONFORTO por apenas ser necessária uma picada.
  • QUALIDADE pelo sistema de vácuo, apenas é colhido o sangue necessário para preencher o tubo de colheita.
  • QUALIDADE porque quantidade de anticoagulante/activador de coágulo proporciona uma amostra de qualidade.

Horário de colheitas

Segundas a Sextas-feiras das 08h00 às 12h00

Sábados das 08h00 às 11h00

Método de vácuo

Através do método de vácuo, diversas análises são seguras de realizar na Cliniártico, pela fiabilidade e credibilidade nos resultados que o método confere.

Uma das variadas aplicações úteis do método de vácuo distende-se à Medicina Dentária.

A técnica de regeneração de tecidos moles com L-PRF (Fibrina Rica em Plaquetas e Leucócitos) é uma malha de fibrina autóloga obtida a partir da centrifugação controlada do plasma, coletando-se as fases de plaqueta e leucócitos contendo fração de fibrina.

Trata-se de material de enxerto autólogo não trombinizado que libera fatores de crescimento durante um período prolongado de tempo.
Tendo as plaquetas dentro de uma malha de fibrina livre de trombina juntamente com leucócitos, são liberadas PDGF, VEGF, TGF b e trombospondina em 7-14 dias, precisamente quando a angiogénese (formação de novos vasos sanguíneos) tem um pico e começa o crescimento ósseo.

Na Cliniártico utiliza-se com a finalidade de promover uma cicatrização favorável para cirurgias de colocação de implante dentário.

Análises Clínicas por Método de Vácuo
Medicina Dentária